Como acelerar a produção de conteúdo com transcrição de áudio e reconhecimento de voz

Como fazer a transcrição de áudio em texto usando o reconhecimento por voz

Quantas vezes você saiu da reunião sem anotar nada? A dificuldade de seguir a pauta e ainda dar atenção ao cliente é apontada por muitos profissionais de atendimento como um empecilho para construção das necessárias atas de reunião. Já os redatores falam do cansativo trabalho com transcrição de áudio para produção de conteúdo técnico. Aqui você confere como é possível aumentar a produtividade nessas demandas.

Essas situações surgiram na última semana em contato com clientes diferentes e resolvi buscar soluções para o problema. O desafio? Como otimizar o tempo dedicado a conversão de áudio em texto. Um assunto de que tratei no Stories e resolvi transforma-lo em um tutorial detalhado aqui do GPD.

Com este tutorial, você vai saber:

1 – Como transcrever o áudio de reuniões em tempo real
2 – Como fazer a transcrição do áudio de gravações

Confira o passo a passo a seguir:

Como fazer a transcrição de áudio automaticamente

Quando usar:

Você está em uma reunião presencial com o cliente, de frente para a pauta da reunião, mas tem dificuldades de digitar com agilidade o que está sendo acordado no encontro.

Antes de considerar o uso do tutorial, verifique se você já aplica o modelo de ata de reunião descomplicada de que tratamos nesta publicação. Se a resposta for positiva, pode continuar.

Do que você vai precisar:

  • Microfone ativado no Notebook
  • Acesso a internet
  • Conta no Google Docs (versão Word do Google)

Como transcrever áudio em texto enquanto fala:

  1. Em configurações de SOM, certifique-se de que seu microfone está definido como dispositivo padrão
  2. Abra a ata de reunião no Google Docs
  3. Em Ferramentas, selecione a opção “Digitação por voz”
  4. Clique na caixa do microfone que apareceu
  5. Fale normalmente e veja o texto aparecer na tela

Observe que, de acordo com a velocidade da fala, o Google pode errar no reconhecimento do que foi dito.

Logo abaixo, você confere o uso microfone como principal canal de gravação de som

Nesse vídeo, você vê a transcrição da primeira videoaula do GPD com pouquíssimas falhas.

A diferença entre um vídeo e outro está na escolha do canal padrão de som. No primeiro caso, o microfone está habilitado como dispositivo padrão. No segundo vídeo é o “stereo Mix” (placa de áudio) quem está selecionado como canal principal.

Confira o tutorial completo para transcrever áudio em texto

Quer saber como aumentar a produtividade na gestão da documentação?

Acesse nossa newsletter e nos acompanhe nas redes sociais



Posts relacionados

O espaço é seu: comentário, dúvidas, sugestões