Como fazer checklist de produto digital

O checklist de produto digital deve facilitar o caminho para conclusão do projeto. Grande aliado na definição de prioridades, ele é uma ótima ferramenta para controlar o que precisa ser feito para finalizar a etapa de homologação. Mas é importante saber usa-lo com cuidado para evitar desgaste e retrabalho entre os integrantes e o cliente. Se você é responsável pela gestão de múltiplos projetos seu desafio é ainda maior. Saiba como lidar com isso!

O que precisa ser feito,  prioridade, responsável,  status e prazo são alguns dos elementos mais frequentes em um checklist de produto digital. Com uma frase por item ou acompanhado de diversas explicações. Há várias ferramentas para te ajudar a  elencar as prioridades da homologação. Mas  cuidado! Caso seja gerente de múltiplos projetos, tenho certeza de que vai precisar de atenção para manter o controle entre as várias solicitações.

Para ser efetiva, a adoção de uma ferramente precisa se integrar à rotina de todos os envolvidos no checklist. Do contrário, o gestor terá de replicar as informações entre os canais de contato. É Trello pra equipe e o combo email + whatsapp + skype com o cliente. Imagine essa rotina para várias equipes e clientes.

Na gestão de múltiplos projetos é preciso contar com uma plataforma para centralizar as informações e tornar acessível a coleta pelos demais envolvidos. Neste caminho, já experimentei planilha, MSproject, DOC, Trello, RunRunit, Evernote, PPT. Sabe a que melhor funcionou pra checklist de produto digital? O bom e velho Google Docs, aquela versão word do Google que facilita a colaboração online.

 

Checklist de produto digital com Google Docs

Como fazer o checklist de produto digital no Google Docs

Costumo usa-lo para centralizar todas as solicitações vindas do cliente e do time técnico. Enumero todas as urls do site e vou criando listas (EAP) para cada URL. Ali coloco print do erro, link da página, sumário e comentários para os responsáveis. Assim, cada profissional pode buscar os itens que lhe cabem.

Se algum integrante usa outra ferramenta de gestão pode buscar seus itens e assumir o controle deles. Ao gestor, cabe manter atualizada a lista de ajustes e o status. É quando o sumário, planilha, diagrama de gantt são úteis para consolidar a visão macro.

Existem processos melhores?

Com certeza! A forma de organizar a fase de homologação vai depender do volume de projetos gerenciados e das interações que se tem com clientes e times envolvidos. Observe os cenários:

  • 1 – Gestor conta com a mesma equipe para atender projetos sequenciados
  • 2- Gestor conta com a mesma equipe para atender projetos simultâneos
  • 3- Gestor conta com múltiplas equipes para atender um mesmo projeto
  • 4 – Gestor conta com equipes distintas para atender vários projetos

Cada cenário gera uma rotina diferente. Quanto mais variação (projeto e equipe) mais dividido será o tempo do gestor entre os checklists. Quanto menos variação, mais profundo será o acompanhamento e maior a agilidade no atendimento entre os projetos

Quer ter um material exclusivo sobre checklist?

Preencha nossa newsletter e receba primeiro esta novidade.



Posts relacionados

Larissa Lima on FacebookLarissa Lima on Linkedin
Larissa Lima
Graduação em jornalismo, pós-graduação em comunicação empresarial, dezenas de cursos e desde 2001 com o compromisso diário de unir ideia, escopo e equipe para a realização de projetos digitais relevantes.

O espaço é seu: comentário, dúvidas, sugestões