Por que 2017 é o ano do gestor de projetos digitais

Mario Bros - Por que 2017 é o ano do gestor de projetos digitais

Ano novo, vida nova e por que não carreira nova. No começo de um novo ciclo é muito natural planejar os novos passos da carreira e se preparar para alcança-lo. Uma boa notícia para você que a acompanha esse espaço: uma pesquisa da DMRH aponta que 2017 é o ano do gestor de projetos que atua com tecnologia. E é pra acreditar nisso? Vejamos!

Por que 2017 é o ano do gestor de projetos digitais

A popularização do celular, da banda larga e a atual crise econômica brasileira formam um cenário favorável para o aumento nas oportunidades para o gestor de projetos digitais no Brasil. É que as empresas têm buscado formas mais assertivas e de curto prazo para divulgar suas soluções.

A internet, ao contrário da comunicação tradicional, tem sido o meio preferido porque permite mensurar o caminho do usuário e comprovar mais fácil a participação dos canais digitais para a venda. Vale lembrar ainda que muitas vezes os projetos digitais têm custo-benefício mais atrativo para pequenas e médias empresas.

Mas não basta apenas colocar um site no ar, fazer anúncios no Google Adwords e Facebook ou divulgar um número de WhatsApp. Além de estar na internet é preciso comprovar a sua importância para o negócio. Ai é que entra o gestor de projetos digitais como um fio condutor entre o desejo de possuir um ativo digital e a entrega de um solução realmente eficiente para o negócio.

Afinal, controlar escopo, custo e prazo são apenas 3 das múltiplas competências do gestor de projetos que deve sempre observar se a solução entregue junto com o seu time é o melhor caminho para alcançar o resultado esperado pelo cliente. Olha o que diz a matéria exibida no programa Conta Corrente, Globo News, no dia 02 de janeiro. Ela apresenta os resultados de uma pesquisa feita pela DMRH e Companhia de Talentos.

 

Print da Globo News - Por que 2017 é o ano do gestor de projetos digitais

 

“A área de tecnologia tem boas perspectivas com o aumento da demanda por soluções online e de análise de dados. Desenvolvedores de programas, consultores de inteligência de negócios e cientistas de dados podem de sobressair.

(…)
Com a perspectiva de reaquecimento da economia, as áreas de marketing e novos negócios podem voltar a atrair recursos, aumentando a demanda por consultores comerciais e gerentes de mídias sociais.”

Sabemos que as habilidades do gestor de projetos são fundamentais para lidar com estes profissionais digitais que prometem aquecer o mercado em 2017.

Posts relacionados

Larissa Lima on FacebookLarissa Lima on Linkedin
Larissa Lima
Graduação em jornalismo, pós-graduação em comunicação empresarial, dezenas de cursos e desde 2001 com o compromisso diário de unir ideia, escopo e equipe para a realização de projetos digitais relevantes.

O espaço é seu: comentário, dúvidas, sugestões